segunda-feira, 28 de junho de 2010

se ao menos eu fosse tangível, seguraria onde há carne e espírito, e não cairia de tal forma que meu corpo se perdesse da alma.

3 comentários:

Luíza disse...

intenso.

Arthur Dantas disse...

é lindo


eu já fui assim
hoje em dia não consigo mais

"e até minhas mais dolorosas lágrimas
parecem ser alegria agora"

Amanda disse...

Eu queria não cair, ao menos uma vez.

Eles