segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

19 dias.

Felicidade é algo que conquistamos aos poucos, descobrindo nossa identidade, nossos gostos, nossos desgostos, procurando entender o porque de se olhar no espelho, descobrir própios limites e até que ponto chegar, e até que ponto não chegar; os nossos defeitos, enfrentá-los, descobrir as vontades, as necessidades, as angústias, as dores, as piadas, as risadas, entender o porquê de ter uma identidade própia, ter seu própio desconcerto, entender o motivo de sentir frio naqueles dias quentes, e porquê seguir alguns objetivos. Tudo isso parece clichê demais, parece que você já leu milhares de vezes a mesma coisa, mas existe uma diferença, uma única diferença, que só saberá quando você mesmo escrever um texto clichê como este post de hoje.

Para ouvir: A&E - Goldfrapp

2 comentários:

Bruna Bo disse...

É verdade. Quero sentir a diferença também, então vou comentar algo tão clichê quanto o seu post: Belo texto, gerson. :)

Um beijo. :*

::Vinicius:: disse...

Achei o teu blog no orkut (postados no dia 1.12). Gostei do que escreveu, mas principalmente da jogada final, conseguiu deixar ele, nada, clichê.

Eles